Posts Tagged 'blockbuster'

+ 10!

Sexta-feira passada foi inaugurado o Espaço Unibanco de Cinema Pompéia, no Bourbon Shopping, na zona oeste da cidade. E, cinéfila como sou, é claro que fui conferir o local de perto!

São dez salas (1.661 lugares) no total. A que eu visitei (sala 9) segue o mesmo padrão das do Unibanco Artplex do Frei Caneca – poltronas confortáveis, espaçosas, boa climatização e som e imagem de qualidade.

Do lado de fora, o que há de bacana são os pôsters de filmes clássicos/antigos afixados ao longo do imenso corredor que dá para as salas. São versões de “O Encouraçado Potemkin”, do Eisenstein, de “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, de Glauber Rocha, etc.

Aliás, falando em Glauber Rocha, eu fui lá exclusivamente para ver a reestréia de “O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro” (1969), cuja cópia foi restaurada recentemente. Como, no processo de restauração foram utilizados trechos da cópia francesa do filme, torna-se impagável ver as legendas em francês para músicas como “levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima…”!

Voltando a falar do espaço. Nas bilheterias, nada de guichê, mas um balcão, tudo muito clean. Na bonbonnière, artigos caros como em qualquer cinemão da cidade. Em compensação o café é uma graça, com poltronas e mesinhas (poucas ainda, mas ouvi de fonte confiável que em breve haverá mais) e retratos de estrelas do cinema.

Quem é fã de blockbuster poderá ver “As Crônicas de Nárnia -Príncipe Caspian” e “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” como em qualquer outro lugar, mas quem é chegado num cinema mais ‘alternativo’ poderá ver, além do filme do Glauber Rocha, a Mostra de Cinema Paulista, na sala oito.

Ah, e uma dica de ouro – às quartas-feira o ingresso sai por R$10 a inteira.

Imagem feita pelo site Urbanistas.com.br do Cine Café do Espaço Unibanco Pompéia…

… e a volta de Antonio das Mortes em “O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro”, cuja cópia restaurada é exibida na sala 9 do novo complexo

Anúncios

Go, Speed Racer, Goo!!

Estréia hoje um dos filmes mais comentados do momento: a adaptação “Speed Racer”, de Andy e Larry Wachowski e, se seguir o mesmo ritmo do “Homem de Ferro”, adaptação da Marvel, o fim de semana promete longas filas e salas lotadas.

Mas não é para falar da adaptação em si que escrevo essa coluna.

Segundo a Folha de S.Paulo de ontem, o momento é tão, mas tão breve que se você piscar, perdeu!

A marca Petrobras está presente no longa – num dos carros de corrida, em um zepellin e em cenas de poucos segundos.

O fato deve-se ao investimento da empresa brasileira no filme: foi US$ 1 milhão pelo direito de associação de marca e mais US$ 2 milhões em ações promocionais vinculadas.

O Green Energy – como foi chamado o “rival fictício” do Match 5 – já havia sido divulgado em eventos automobilísticos, como na abertura da temporada 2008 de Stock Car, em abril.

 

 

Acima, o Green Energy na produção do longa; em seguida, a versão apresentada no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.  

“Homem de Ferro” bombando nos cinemas

Pasmem!

O blockbuster “Homem de Ferro”, estrelado pelo improvável Robert Downey Jr. e dirigido por Jon Favreau tornou-se o maior lançamento do ano até agora, com faturamento de US$ 200 milhões (R$ 330 milhões) só no final de semana de estréia.

E não é só isso: o filme também figura na lista das dez estréias que mais faturaram nos últimos tempos!

Para um primeiro longa da Marvel Studios, arrisco dizer que o negócio tem futuro.

Robert Downey Jr. é o Homem de Ferro